Houses of Parliament | Foto: Adrian Pingstone via Wikimedia Commons
Houses of Parliament | Foto: Adrian Pingstone via Wikimedia Commons
“O homem que se cansa de Londres se cansa da vida. Pois em Londres se encontra tudo o que a vida pode oferecer” Samuel Johnson, século 18.

Londres é uma das cidades mais vibrantes do planeta. A capital inglesa que tem história e tradição de sobra é ao mesmo tempo um lugar de vanguarda e inovação onde o viajante se surpreende permanentemente com a mistura do passado com o presente.

É um dos poucos lugares do mundo onde você anda pela rua e percebe que a aceitação à diversidade é uma das características mais marcantes. Cada qual segue o seu caminho com a cor de cabelo que lhe agrada, com os valores que lhe preenchem e com o credo em que acredita. Diferente é normal e nada parece incomodar.

Foto: Andrea Tissenbaum | Piccadilly Circus – Londres
Foto: Andrea Tissenbaum | Piccadilly Circus – Londres

Estudar em Londres é um sonho para muitos estrangeiros no mundo inteiro. Há uma grande oferta de cursos de inglês para todos os níveis. E, para quem quer fazer um intercâmbio ou uma pós graduação, as universidades londrinas, ranqueadas entre as melhores do mundo, são uma excelente opção – como é o caso da London School of Economics and Political Science (LSE), King’s College London, Glyndwr University, University of the Arts London, Imperial College London, University College London, City University London, National School of Film and Television (NFTS) e a Hyper Island, dentre outras.

Foto: Stephen McKay via Wikimedia Commons | City University London
Foto: Stephen McKay via Wikimedia Commons | City University London

Talvez o maior empecilho para estudar em Londres seja o custo de vida e, principalmente, a acomodação. No entanto, cientes dos valores salgados e da dificuldade de encontrar lugares vagos na cidade, as universidades têm equipes especificamente dedicadas a moradias estudantis e quase sempre oferecem opções de acomodações dentro ou nos arredores do campus.

Existem algumas oportunidades de bolsas de estudo para estrangeiros:
>> Programa Chevening (que está com as inscrições abertas),
>> Programa Ciência sem Fronteiras que oferece bolsas para Graduação sanduíche e para Doutorado e Pós-Doc
>> Bolsas Santander
>> University of West London International Ambassador Scholarships

As instituições de ensino superior e as escolas de idioma na Inglaterra costumam ser rígidas no processo seletivo. Para estudar em Londres, você precisará de um Tier 4 (General), visto geral de estudante para estrangeiros. Como de praxe, será necessário comprovar fluência no inglês tanto para ser admitido na universidade quanto para conseguir o seu visto de estudante. Para isso, a Inglaterra aceita o IELTS como o exame oficial de proficiência na língua inglesa.

Terra dos Beatles, Rolling Stones e Amy Winehouse, Londres é um também um dos grandes centros mundiais de cultura e criatividade, famosa por seus museus, artes cênicas, vida noturna e diversidade. Tem tanta coisa para se fazer que parece que o tempo nunca é suficiente para ver tudo.

Foto: Andrea Tissenbaum | Exposição de Arte – Londres
Foto: Andrea Tissenbaum | Exposição de Arte – Londres

Se você quer conhecer a história da cidade ou tem preferência por passeios em museus e galerias de arte, pode visitar o British Museum, o Museu de História Natural de Londres, o Museu de Ciências, a National Gallery, o Tate Modern, e a Biblioteca Britânica, só para mencionar alguns pontos de interesse.

Foto: Andrea Tissenbaum | Tate Modern – Londres
Foto: Andrea Tissenbaum | Tate Modern – Londres

Há também opções excelentes para os apaixonados por esportes, como assistir às partidas de futebol do Arsenal e do Chelsea, ou visitar as instalações onde foram realizadas os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2012. Para quem gosta de feiras e mercados, as opções são as mais variadas. Se você gosta de ar livre e exercícios físicos, os parques de Londres são imperdíveis e, de fato, fazem parte do cotidiano dos moradores da cidade.

Foto: Alex Proimos via Wikimedia Commons | Lunchtime crowd at Hyde Park
Foto: Alex Proimos via Wikimedia Commons | Lunchtime crowd at Hyde Park

Outras famosas atrações são a enorme roda-gigante London Eye, a Torre de Londres, os Palácios de Buckingham e Westminster, a Tower Bridge, o Big Ben, a Abby Road (conhecida graças aos Beatles), o Shakespeare’s Globe, a Plataforma 9 ¾ em King’s Cross (sim, a do Harry Potter) e muito mais. E, como é impossível pensar em Londres sem os seus pubs, vale a pena visitar os históricos  e os muitos outros espalhados pela cidade para todos os bolsos e gostos.

Foto: Andrea Tissenbaum | London Eye
Foto: Andrea Tissenbaum | London Eye

O melhor é que tudo pode ser feito a pé, de ônibus ou de metrô (o famoso Tube). Londres tem uma extensa rede de transporte público que é muito fácil de usar. Você pode optar pelos tickets semanais ou mensais que têm um valor fixo e o acesso é ilimitado durante o período escolhido. Visite o site Transport for London para saber mais sobre as linhas, os horários e os descontos no transporte público londrino para estudantes maiores de 18 anos. Ou, se preferir pedalar, andar de bike também pode ser uma excelente opção de transporte.

Além disso, há linhas de trem e voos para toda a Europa por preços bem razoáveis, o que facilitará as suas viagens durante os estudos.

“O homem que se cansa de Londres se cansa da vida. Pois em Londres se encontra tudo o que a vida pode oferecer” disse o escritor Samuel Johnson no século 18. Por muito tempo a capital do Reino Unido foi o centro de um império onde o sol nunca se punha. Sim, a eletrizante e cosmopolita Londres vai mudar a sua vida. Além de potencializar a carreira acadêmica, profissional e sua fluência no inglês, você certamente voltará para casa com muita cultura na bagagem!

Sites com informações úteis para estudantes:
>> Save the student
>> Study London
>> London for free 
>> Brasileiros em Londres
>> Time Out Magazine

Acomodação:
>> Accomodation for Students
>> Erasmusu
>> Easy Roomate

Curta e acompanhe o Blog da Tissen pelo Facebook. Siga o Blog da Tissen no TwitterLeia mais sobre estudar fora.

 

DEIXE UMA RESPOSTA